Segurança Pública "Com a palavra o Coronel".



Até quando seremos reféns deste Abandono das Autoridades?

Lembro-me de quanto era motivo de orgulho morar no Bairro K11, em Nova Iguaçu. Hoje os moradores estão em pânico com a Insegurança e em consequência disto, se já não bastasse a crise, os proprietários de imoveis veem seus bens sofrerem desvalorização a cada dia.
Vergonhoso!






Enquanto a Presidente Dilma e seu Capanga Luis Inácio tornam o País em um verdadeiro caos ...
A Polícia Militar continua sua missão, mesmo que com os salários atrasados, sem o pagamento do RAS, desvalorizada pelas Autoridades e sem acreditar nestes nogentos que conduzem o processo político no País.

Guarnição do 20 BPM (Mesquita), prenderam vários elementos na prática de tráfico de entorpecente.

Com os vagabundos apreenderam
(01) Pist. Taurus cal. 380 c/01 carregador com 02 mun. e num. Suprimida.
(01) Pist. Canik cal. 9mm c/ num. Suprimida e com 01 carregador sem mun.
(01) Pist. Girsan cal. 9mm c/num. Suprimida e com 01 carregador sem mun.
(04) bases para carregar rádios transmissores.
(01) cinto NA
(01) suspensório tático
(198) cápsulas de cloridrato de cocaína, totalizando 66 mg.
R$ 14,00 em espécie.
Parabéns a todos os Policiais que mesmo nestas condições adversas continuam com sua missão junto a Sociedade, ao contrário deste bando de vagabundos de Brasília que só fazem enriquecer a custa do Povo.







Mais do Mesmo!
Fico impressionado com a "competência" da Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro. Hoje o nosso Secretário anunciou uma série de medidas - leia Mais http://migre.me/tfh8W - para "reforçar" o policiamento nas áreas centrais, visto os altos índices de criminalidade, principalmente na modalidade Roubo de Rua. Ao invés de pagar e motivar a aplicação do RAS ( Regime Adicional de Serviço ), fomentar junto as Prefeituras Municipais a adesão ao PROEIS, onde o Policial Militar aplicado ganha pelo serviço prestado, eles "inovam" com a falácia de usar o efetivo da atividade da administração dos Batalhões.

Acorda Secretário!

José Mariano Beltrame

Nenhum comentário:

Postar um comentário